Pedreiro safadão me fodeu


* Pedreiro safadão me fodeu

Isso acabou de acontecer… Ainda estou trêmula e molhadinha de prazer na minha cama, com as pernas abertas e o gozo desse homem safado que me arrombou sem dó. Meu nome é Mallu e adoro dar a buceta, meus peitos são grandes, tenho bundão e cinturinha fina, sequinha de tanta ginástica. Dizem que sou ninfo. Hoje, comprovei.
Minha casa está em reforma. Um pedreiro fica o dia todo aqui. Moro sozinha e de uns tempos pra cá percebi os olhares sacanas dele pra mim, indo direto pra minha bunda e xana quando estou deitada no sofá. Isso me excita muito.
Parei até de usar sutiã porque adoro ver a cara dele quando meus mamilos duros ficam apontando na camisetinha finas antes de ir falar com ele. Dá pra ver tudo.

Essa semana, troquei de roupa no quarto com a porta aberta. Ele ficou espiando da sala, achando que eu não o via. Dancei de calcinha e me virei semi-nua pra ele, fingi estar assustada e disse: SEU TARADO!! Cobri os seis e fechei a porta. Deu tempo de o ver segurando o pau, cheio de tesão antes de esbugalhar os olhos. Hahaha Deitei na cama e me masturbei, imaginando que ele me olhava pela fechadura. Quando saí do quarto o demiti. Mas hoje cedo, o encontrei na feira e, como se nada tivesse acontecido, pedi que voltasse para consertar a bica que ficou vazando. Estava louca de vontade de dar. Antes mesmo da hora combinada, meio dia, ele chegou. Como era cedo, perguntei se ele queria comer. Ele riu, eu ri também… Ele negou. Então o deixei trabalhando e avisei que iria tomar um remédio para dormir, mas se precisasse de mim estava no quarto, era só chamar. “Mas me sacode com força porque não acordo fácil… Quando tomo esse remédio é um perigo, podem fazer o que quiser comigo que eu nem sinto”. Ele pareceu não notar a malícia. Apesar disse: Tá bem. Puta da vida, fui pro quarto, coloquei uma camisola completamente transparente e joguei um pouquinho de saliva na parte de fora da buça. O pano grudou e como era tule, deu pra ver direitinho minha xaninha. Passei na cozinha, abri a geladeira e ele me olhou estupefato. Dei uma abaixadinha e ouvi ele dizer: Nossa. Eu falei: O que é? Parece que nunca viu. Trabalha direito dessa vez porque senão não te pago, hein. Vou dormir. (Peguei uma água e sai toda rebolando). Deitei na cama de bruços e deixei a camisola subir. Eu estava sem nadinha por baixo. Ouvi os passos dele passarem pelo meu quarto. Passava muito mais que o comum… Passava, passava… e eu imaginava que nunca iria entrar. Demorou tanto que realmente dormi.

Isso foi bom porque acordei com uma massagem, na buça. Era ele, finalmente tomou coragem. Eu não me mexi. Ele tocava meu clitóris e dava uns gemidos. Na hora meu corpo respondeu, mas não me mexi, apenas me abri mais. Pouco tempo depois ouço o som de um cinto de abrindo. E um zíper. Ele tirou as calças. Tocou-me de novo e foi aí que ouvi: “A senhora mandou eu te sacodir, mas não falou onde eu sacodia. Vou dar uma sacodida nessa sua xerecona, vadia safada”. E senti aquele pirocão entrar lentamente por trás. Nossa… Ele meteu sem camisinha. Filho da puta. Me fodeu e enfiou o dedo no meu cu. Eu não acreditei na coragem, filho de uma puta. Enfiando o cabo na minha buceta. Mas ele metia tanto que gozou todo meu rabo e saiu… Continuei ali. Deitada, acabada. Quando achei que tinha terminado, ele me virou de frente na cama e começou a me lamber. Eu ia gozar quando ouço o telefone dele tocar: Caralho, Pablo, a piranha que to pintando a casa, to pintando a buceta dela toda. Tenho que falar baixo senão ela acorda, tomou um remédio aqui, tá apagada. Que bucetinha gostosa, apertadinha depiladinha. Quero comer o cu dela. Vou meter de novo, to filmando tudo, depois te mando no MSN. Aí fingi que ia acordar, mas achei melhor aguentar mais um pouco. Ele não aguentou comer meu cu depois de duas gozadas, saiu, deixando um bilhete: Não precisa pagar não, gostosa. Se quiser, me chama que eu volto. Alguém tem dúvidas de que eu vou chamar?

*Conto enviado por seguidor da pagina : Facebook/como dizer que quero voce

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s